Febre

Quina-quina


Origem, distribuição

Distribuição do México até América tropical. Nativa do Brasil, amplamente distribuída em regiões úmidas da Amazônia e Mata Atlântica.

Descrição

Cinchona


Origem, distribuição

Origem americana, nativa das florestas úmidas geralmente acima de 100 m podendo chegar até 3.000 m. Na Amazônia brasileira tem sido reportada até o nível do mar.

Juazeiro


Origem, distribuição

Espécie endêmica da caatinga, bioma exclusivo do território brasileiro.

Descrição

Cajazeira


Origem, distribuição [2]

O centro de origem é o continente americano. Amazônia Ocidental e Mata Atlântica são centros de diversidade.

Nome em outros idiomas

Kudzu


Descrição [2]

Kudzu é uma trepadeira perene, semi-lenhosa, com potencial de atingir até 30 m de comprimento. As hastes podem atingir diâmetro de 1 a 10 cm.

Folhas são arranjadas alternadamente, compostas com três folíolos amplos de até 4 cm de diâmetro. Folíolos podem ser inteiros ou 2-3 lobados com margens peludas.

Manacá-cheiroso


Origem, distribuição

Nativa do sul e sudeste do Brasil e países limítrofes como Bolívia, Peru, Equador e Venezuela. No Brasil, a Mata Atlântica é o principal local de ocorrência.

Descrição [1,2]

Samaúma


 Esta espécie é considerada planta alimentícia não convencional.

Nome em outros idiomas

Fisalis


 Planta alimentícia não convencional.

Nome em outros idiomas

Planta-cadáver


Nome em outros idiomas

  • Inglês: indian pipe, ghost plant

Origem, distribuição [3]
Nativa da América do Norte, Himalaia, Japão e partes da Europa temperada. 

Picão-preto


 Esta espécie é considerada planta alimentícia não convencional.

Nome em outros idiomas