Newsletter - Edição Dezembro 2009

Escrito em dezembro de 2009 - Editado em junho de 2014

Palavra ao Leitor

Caros Amigos,

Mais um período de atividades se encerra! É hora de lembrar das coisas boas que fizemos ao longo do ano, dos amigos e colaboradores que estiveram juntos nesta empreitada, desejar Feliz Natal e Ano Novo de muita PAZ e prosperidade. E reafirmar a certeza de que continua a missão de produzir bom conteúdo e compartilhar as novidades da Fitoterapia.

Ao mesmo tempo espero continuar contando com a sua preferência e estar à altura das expectativas e necessidades.

Nesta edição do Boletim Informativo os destaques são o descrição dos benefícios da beterraba, o website do Grupo de Pesquisa em Pré-processamento de Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares da Universidade Federal de Viçosa, o viveiro municipal de Santa Bárbara d´Oeste e o website FitoestudoSão iniciativas que merecem divulgação e estou fazendo em atenção aos pedidos recebidos.

O destaque final são os Cursos a Distância recentemente lançados pelo projeto A Cura pelas Plantas. São cursos atuais, indicados para iniciantes ou profissionais já atuantes no mercado, que desejam obter um Certificado ou buscam saber o que há de novo na área. Muitas pessoas me procuram solicitando informações sobre onde encontrar tais Cursos, então fica dada a dica. O Ensino a Distância é atualmente uma modalidade com muita procura, devido principalmente ao uso dos mais variados meios eletrônicos (Internet) e recursos tais como fórum de discussão, simulados, materiais para download, vídeos e contato direto com o professor-tutor.

Abraços e até 2010,

Sérgio Roberto Sigrist


Carta do Leitor

#1
"Prezado Sérgio, g
ostaria de lhe apresentar o site do nosso grupo de pesquisa aqui da Universidade Federal de Viçosa (MG), Grupo de Pesquisa em Pré-processamento de Plantas Medicinais, Aromáticas e Condimentares, que pode ser visitado em PMAC. O objetivo é disponibilizar informações sobre pesquisas, publicações e os pesquisadores do grupo. Contamos com a sua divulgação. Atenciosamente, Prof. Evandro de Castro Melo, Departamento de Engenharia Agrícola (UFV, MG)."

RE: OK, grato pelo contato. Está dado o recado!

#2
"Sérgio, tudo bem? 
Trabalho no viveiro municipal de Santa Bárbara d´Oeste e estamos cultivando plantas medicinais e aromáticas. Nossa equipe é multiprofissional, temos agrônomos, biólogos, médicos, farmacêuticos, jardineiros, etc. Temos no momento cerca de 75 espécies e um pouco de dificuldade na catalogação dessas plantas, mas estamos andando. Estamos fazendo reuniões com a comunidade, discutindo saberes e trocando experiências. Temos o objetivo de criar uma cartilha com informações sobre cultivo, uso e cuidados com plantas medicinais. Esse site nos ajuda muito. Mando em anexo uma foto do localAbraço, Prof. Alexandre Xura Visockas, Biólogo, Santa Bárbara d´Oeste (SP)."

RE: Prof. Alexandre, grato pelo contato, parabéns e sucesso no projeto.

#3
"
Dr. Sérgio R. Sigrist, meu nome é Gustavo e sou farmacêutico. Gostaria primeiramente de parabenizá-lo pela iniciativa, trabalho e, claro, pelo Boletim Informativo de Plantas Medicinais. Há um bom tempo venho formulando e adequando um portal sobre produtos naturais e fitoterápicos na Web e gostaria de convidá-lo a conhecer, o endereço é Fitoestudo  (Nota: link inativo). Atenciosamente, Gustavo Elias Arten Isaac, Farmacêutico (São Paulo, SP)."

RE: Gustavo, grato pelo contato e palavras de incentivo. Parabéns e sucesso!


Cursos a Distância

O Projeto Cura pelas Plantas apresenta uma novidade neste final de ano, são diversos Cursos a Distância que objetivam promover o conhecimento necessário para uma melhor compreensão da ciência das plantas medicinais. O conteúdo é básico para profissionais e estudantes das Ciências da Saúde, Biológicas e Agrárias e também para todos os profissionais interessados no assunto.

Atualmente estão disponíveis 4 cursos:

  1. "Implantação do Projeto Farmácia Verde", onde o partrticipante obterá informações necessárias para a implementação de projetos de forma segura e científica.
  2. "Cultivo Ecológico de Plantas Medicinais", curso avançado sobre cultivo correto de plantas medicinais, condimentares e aromáticas, boas práticas de cultivo, adubação, propagação, plantio, colheita, beneficiamento, controle de pragas e doenças.
  3. "Plantas Medicinais, Condimentares e Aromáticas - Propriedades e Etnobotânica", curso básico para quem pretende adquirir conhecimento sobre a ciência das plantas medicinais, contempla o histórico da Fitoterapia e as formas de utilização das Plantas Medicinais.
  4. "Princípios e Métodos em Horticultura Terapia", curso dirigido a profissionais que atuam com pessoas com necessidades especiais para utilizar esta nova e inovadora técnica de recuperação.

Para quem desejar conhecer em mais detalhes o programa e também saber sobre o investimento necessário, acesse Cursos a Distância (Nota: link inativo).


Dica de Leitura
No endereço abaixo temos um interessante artigo originalmente apresentado à Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da USP (FFLCH/USP). Trata-se de uma pesquisa onde a intenção é verificar não só os motivos que levam as pessoas a usar ervas, mas averiguar se este uso está baseado num saber popular compartilhado, repassado oralmente através de gerações. 

Ervas Medicinais - Espaço Urbano de uma Ciência Popular >>


Colaboraram nesta edição 
Ana Lúcia T. L. Mota (São Paulo, SP), Marcelo Rigotti (Botucatu, SP)

Este informativo tem por objetivo divulgar o conhecimento popular de plantas medicinais. Não se recomenda a automedicação. O uso de fitoterápicos deve ser indicado por especialistas da área.

Destaque

Beterraba

Crua ou cozida, é um dos vegetais mais apreciados na culinária. A planta também tem propriedades medicinais, seja na cura de doenças ou como preventivo. As raízes contêm compostos que ajudam a proteger contra doenças cardíacas, defeitos de nascimento e certos tipos de câncer.