Araçá-boi

Nome científico: 
Eugenia stipitata McVaugh
Sinonímia científica: 
Eugenia stipitata subsp. stipitata
Família: 
Myrtaceae
Partes usadas: 
Fruto.
Constituintes (princípios ativos, nutrientes, etc.): 
Terpenos voláteis, fibra, vitamina C.
Propriedade terapêutica: 
Antioxidante, antiproliferativo, antimutagênico, antigenotóxica.
Indicação terapêutica: 
Eliminar parasitas, agente preventivo contra câncer.

 


 Esta espécie é considerada planta alimentícia não convencional.

Origem
Nativa da Amazônia ocidental

Descrição [2,4]

Trata-se de uma árvore de pequeno porte (2,5 a 4,0 m de altura~). Folhas simples, curto-pecioladas, inflorescências em racemos axilares de 2-5 flores brancas.

O fruto é uma baga com casca fina, cor amarelo canário, polpa suculenta, pouco fibrosa, bastante ácida, de sabor e aroma agradáveis. 

A planta possui abundante ramificação e folhagem, com picos de produção em abril, junho e setembro, podendo ser usada como componente em sistemas agroflorestais. 

É amplamente cultivada em pomares domésticos na região amazônica, São Paulo e Rio de Janeiro para a produção de frutos e preparos culinários.

Uso popular e medicinal

O fruto é rico em terpenos voláteis, fibra e principalmente vitamina C. É reconhecido pela alta atividade antioxidante, tendo atraido muita atenção devido aos seus potenciais benefícios para a saúde humana.

Um trabalho investigou as atividades antioxidante, antiproliferativa, antimutagênica e antigenotóxica e do total de polifenóis do extrato etanólico de E. stipitata. Os polifenóis apresentaram 184,05 ± 8,25 mg de GAE (equivalente de ácido gálico) / 100 g. O extrato foi avaliado quanto à sua capacidade de inibir o crescimento de linhagens de células tumorais e não teve efeito citostático completo contra nenhuma das linhagens testadas. O extrato etanólico de E. stipitata apresentou maiores propriedades antimutagênicas e antigenotóxicas na maior concentração testada (300 mg / kg de peso corporal). Os autores concluem que essa fruta pode servir como agente preventivo contra o câncer [3].

Algumas pessoas comem a fruta ainda verde para eliminar parasitas [1].

Valor nutricional [2]

Composição da polpa (em 100 g de matéria seca)
Proteína g 8 - 10
Fibras g 5,5 - 6,45
Carboidratos g 69 - 71

 

Composição % / 100 g em base úmida
Umidade 90
Proteína 0,6
Cinza 0,3
Lipídios 0,2
Glicídios 8,9
Energia  39,8 kcal

 

Minerais (em 100 g)
Potássio mg 62,7
Cálcio 9,4
Sódio 0,1
Ferro µg 565,6
Zinco µg 104,4

 Culinária - Purê salgado de araçá-boi [2]

A polpa serve para preparar sucos com água ou leite, iugurte, geléia, doce de corte, sorvete e purê. Segue a receita do purê.

  • Use os frutos maduros, limpos e lavados. Corte-os e retire as sementes.
  • Triture a polpa com a casquinha e leneire.
  • Mescle meio a meio com macaxeira, aipim ou banana-pacovan cozida e amassada.
  • Derreta manteiga com sal, alho e outros temperos a gosto, junte o creme de leite e em seguida o purê misto.
  • Mexa e deixe reduzir um pouco. Sirva quente ou frio.

 Dedicado a Ana Lúcia T. L. Mota, Bióloga (São Paulo, SP), 2017.

 Referências

  1. Useful Tropical Plants (2017): Eugenia stipitata - Acesso em 17 de dezembro de 2017
  2. RKINUPP, V. F; LORENZI, H. Plantas alimentícias não convencionias no Brasil. Instituto Plantarum de Estudos da Flora, Nova Odessa (SP), 2014.
  3. Science Direct (2013): Evaluation of the antioxidant, antiproliferative and antimutagenic potential of araçá-boi fruit of the Brazilian Amazon Forest  - Acesso em 17 de dezembro de 2017
  4. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA Amazonia Ocidental, 1996): Avaliação do desempenho do araçá-boi na região de Manaus - AM - Acesso em 17 de dezembro de 2017
  5. Imagem: Wikimedia Commons (Author: Edvaldo Pandolfi) - Acesso em 17 de dezembro de 2017
  6. The Plant List: Eugenia stipitata - Acesso em 17 de dezembro de 2017

GOOGLE IMAGES de Eugenia stipitata

Galeria: