Dormideira-do-oriente, papoula

Nome científico: 
Papaver somniferum L.
Sinonímia científica: 
Não existe segundo o sistema de classificação APG III.
Família: 
Papaveraceae
Partes usadas: 
Folhas, óleo, semente.
Princípio ativo: 
Alcaloides opiáceos (morfina, codeina, tebaina, papaverina, narcotina, narceina).
Propriedade terapêutica: 
O látex é anódino, antitussígeno, adstringente, sudorífico, emenagogo, hipnótico e sedativo narcótico.
Indicação terapêutica: 
Alívio da dor, tosse, disenteria, constipação, febre, insônia.

Origem
Mediterrâneo e Oriente Médio.

Nome em outros idiomas

  • Inglês: opium poppy
  • Francês: pavot somnifère, pavot à opium
  • Alemão: mohn, schlafmohn, gartenmohn, olmohn, opiummohn
  • Italiano: papavero
  • Espanhol: adormidera

Descrição
Ereta, anual, pode atingir uma altura de até 1,5 m. Folhas grandes com lóbulos. Flores grandes de até 10 cm de diâmetro, cor branca, lilás ou púrpura, com pétalas arredondadas de até 4 cm, às vezes com manchas escuras na base. Fruto de até 9 cm, globular e suave. Floresce de maio a julho em campos, terrenos baldios e calçadas em toda a Europa. Cultivada para fins medicinais.

Curiosidade
Segundo o antigo poema épico Odisseia escrito por Homero no século VIII aC, é possível que a droga que Polidamna dera a Helena, "capaz de fazer esquecer toda a tristeza", seja o ópio. 

Há relatos verbais de que na Espanha, até meados do século XX, molhavam a chupeta de crianças em uma infusão de papoula para fazê-las dormir ou parar de chorar.

Uso popular e medicinal
É desta planta que se obtêm o ópio, a partir do qual muitas outras substâncias denominadas opiáceos (morfina, codeina, tebaina, papaverina, narcotina, narceina), são extraídas. As sementes de papoula são usadas como condimento.

O ópio é um suco espesso que se extrai dos frutos imaturos (cápsulas) de várias espécies de Papaver e é utilizado como narcótico.

A papoula contém uma ampla gama de alcaloides e tem grande valor como medicamento, especialmente por aliviar a dor. Seu uso (especialmente ópio e morfina extraídas da planta) pode viciar, portanto deve-se ter extrema cautela e somente usar sob a supervisão de um profissional qualificado. 

O sumo seco (látex) das sementes verdes é rica fonte de alcaloides ativos, incluindo a morfina. Extrai-se por incisões superficiais nas cápsulas assim que as pétalas cairem. Essas incisões devem ser feitas com cuidado, para não penetrar no interior das cápsulas das sementes. O látex emana em forma de gotas a partir das cápsulas e seca em contato com o ar, podendo então ser coletado. 

Esse látex é anódino (o mesmo que paliativo, alivia a dor), antitussígeno (reduz a frequência da tosse), adstringente (contrai os tecidos, combatendo diversas moléstias), sudorífico (faz suar), emenagogo (provoca menstruação), hipnótico e sedativo narcótico. 

Além das propriedades analgésicas, o látex também tem sido utilizado como um antiespasmódico (contra contração involuntária de músculo) e expectorante no tratamento de certos tipos de tosse, enquanto as suas propriedades adstringentes o faz útil para o tratamento da disenteria. 

Um remédio homeopático é feito a partir do látex seco e utilizado no tratamento de uma variedade de queixas, incluindo constipação, febre e insônia.

Valor nutricional por 100 g de semente fresca [1]

Principais Minerais Vitaminas
Calorias 533 Cálcio 1448 mg mg
Proteína 18 g Fósforo 848 mg Tiamina (B1) 0,95 mg
Água 6,8 % Ferro  9,4 mg Riboflavina (B2) 0,17 mg
Gordura 44,7 g Magnésio 2,3 mg Niacina (B3)  0,98 mg
Carbohidratos 23,7 g Sódio 21 mg B6 0 mg
Fibra 6,3 g Potássio 700 mg C 0 mg
Cinzas 6,8 g Zinco 0 mg    

 Referências

  1. Plants for a Future: Papaver somniferum - Acesso em 13 de dezembro de 2015
  2. ROGER, J.D.P. Plantas que curam - Enciclopédia das Plantas Medicinais. Publicadora Atlântico, V.1.
  3. Portal do Governo do Estado de São Paulo: Ópio - Acesso em 13 de dezembro de 2015
  4. Enciclopedia Libre Universal: Papaver somniferum - Acesso em 13 de dezembro de 2015
  5. Imagem: Farmer Dodds; Wikimedia Commons (Author: Adrian) - Acesso em 13 de dezembro de 2015
  6. The Plant List: Papaver somniferum - Acesso em 13 de dezembro de 2015

GOOGLE IMAGES de Papaver somniferum - Acesso em 13 de dezembro de 2015

Galeria: